APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores)

A APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores), criada em 03.2010 em Santa Cruz -RN, existe para congregar amantes da cultura, apologistas e produtores da arte da palavra.


sexta-feira, 13 de julho de 2012

UMA POSSÍVEL DESPEDIDA - Marcos Cavalcanti



Alberto,

Vou mostrar que você é uma farsa, e vive no momento, uma crise de identidade, um drama existencial. Você não quer me conhecer nem receber ligações minhas, muito menos que eu faça parte do seu círculo de amizades, muito bem, é um direito que lhe cabe senhor ENCOBERTO, no entanto, quer que eu faça parte do seu círculo de DEBATES, ora, ora. Não quero uma ficção no meu círculo de debates,ainda por cima, para discutir uma tema como A VERDADE, sendo uma MENTIRA. E isso é um direito que me cabe. Aí vai a tua última chance, inclusive a de sair de tua crise de identidade. Revela-nos teu CPF, então descobriremos se de fato és um tal Alberto Gonçalves da Silva,então, se fores de fato, retornaremos ao debate, a propósito, sem que lhe faça uma única ligação ou um aperto de mão. Mas devo dizer ainda, que a razão de não mais publicar aqui, é que tenho observado que Gilberto tem ABERTO o espaço do blog para esta praga de anonimato, e eu respeito a decisão dele, afinal de contas, se excluir os anônimos, talvez perca um pouco do IBOPE que em texto anterior, mostrou ser uma preocupação sua (dele). Eu não me preocupo com IBOPE, me interessa cultura, razão porque não entendo que num blog cultural, haja espaço para esta excressência chamada anonimato. Fosse um blog de natureza política, até entenderia a covardia dos que não querem dar legitimidade às suas opiniões políticas, mas as culturais ou filosóficas, tenha paciência. Espero ter esclarecido a você também Gilberto, que tem o meu telefone e não me ligou, a razão da minha saída, acrescentando que continuarei um leitor de seu blog, dos meus amigos que aqui assinam os seus textos ou mesmo dos que não conhecendo, são legítimos porque têm identidade real. Por fim, renovo Gil, os meus agradecimentos por tudo que publicou, de minha autoria.