APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores)

A APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores), criada em 03.2010 em Santa Cruz -RN, existe para congregar amantes da cultura, apologistas e produtores da arte da palavra.


segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

PRÊMIO CARNAVAL POTIGUAR 2012


Saiu o mais novo edital do governo do estado destinado a cultura, o Prêmio Carnaval Potiguar 2012 e foi muito bem recebida pelos representantes do carnaval potiguar,
sejam de escolas de samba, tribos de índio, blocos, troças e outras derivações da Folia
de Momo. O encontro entre a secretária Extraordinária de Cultura, Isaura Rosado e
cerca de 30 carnavalescos, tanto com representação da capital, quanto interior do Estado
foi na quarta-feira passada, à tarde, no Teatro de Cultura Popular Chico Daniel. Nesse
primeiro momento, a secretária e a coordenadora de Promoções Culturais da Secultrn,
Danielle Brito, ouviram opiniões e sugestões sobre como devem ser aplicados os
recursos que ajudarão a financiar o carnaval 2012 do Estado.

Situação semelhante já ocorreu em 2011, quando foi criado o Prêmio Junino 2011 que
financiou, na ordem de R$ 500 mil, 184 projetos analisados e selecionados através
de Edital. Naquela ocasião foram criadas duas categorias: Festival ou Arraiá Junino,
no valor de R$ 1 mil para cada projeto, com aprovação para até 150 projetos nessa
modalidade. E na categoria Grupo Junino (Quadrilhas) o valor de R$ 3 mil, podendo
chegar a contemplar até 116 grupos.

A medida democrática de disponibilizar edital para seleção pública foi muito bem
recebida pelos participantes da reunião. A diretora do Bloco Recordar é Viver de Natal,
Benedita melo, disse que a iniciativa é muito válida e evita a disparidade de recursos de
um grupo para outro, já que os recursos deverão ser divididos em partes equânimes para
todos os projetos selecionados, a depender de suas categorias. Outros representantes
sugeriram a criação de categorias como Escolas de Samba, Tribos de Índio, Blocos,
esses com valores diferenciados a depender do número de pessoas que eles reunem
durante o período da Folia de Momo.

"Entendemos que editais públicos são a melhor maneira de o Governo do Estado
financiar uma festa que é tradição na nossa terra, dando possibilidades iguais para
todos os interessados", afirmou Isaura Rosado, acrescentando que não só os grupos da
capital poderão ser contemplados com o Prêmio Carnaval Potiguar 2012, mas ações
carnavalescas de outras localidades também poderão obter recursos do Governo do
Estado. Os valores ainda não foram fechados mas, provavelmente, serão na ordem de
meio milhão de reais.