APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores)

A APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores), criada em 03.2010 em Santa Cruz -RN, existe para congregar amantes da cultura, apologistas e produtores da arte da palavra.


sexta-feira, 17 de maio de 2013

O SONHO NÃO ACABOU / APENAS ADORMECEU - Gilberto Cardoso dos Santos

Gilberto Cardoso Dos Santos


Baseado nas palavras de Edgar "O sonho não acabou, apenas adormeceu" fiz os seguintes versos em memória da morte de sua mãe, falecida em 16.05.2013

Quando uma mãe vai embora
O momento é de tristeza
O bom filho com certeza
Com sinceridade chora
É hora de lamentar
Mas também de recordar
Todo bem que se viveu
Tudo quanto ela ensinou
O sonho não acabou
Apenas adormeceu.

Olho com olhos de fé
Nesse momento de dor,
Em que a gente vê a cor
Da vida como ela é
Fico a imaginar
A minha mãe a entrar
No céu em que tanto creu
E sobre o qual me falou:
O sonho não acabou
Apenas adormeceu.

Essa é a triste partida
Pior que a do retirante
A gente vê nesse instante
A importância da vida
Porém se a mãe pudesse
Depois que a morte viesse
Consolar o filho seu
Falaria aos que deixou:
O sonho não acabou
Apenas adormeceu.

Graças à sua influência
Me tornei um sonhador
Grande foi o seu valor
Em toda minha existência
Pensando no seu desvelo
Não me entrego ao pesadelo
De achar que nada valeu
E que tudo terminou:
O sonho não acabou
Apenas adormeceu.

Com Raul Seixas tivemos
uma sublime verdade:
Se tornam realidade
os sonhos que juntos temos.
Com minha mãe eu sonhei
e pra vida despertei
quantos conselhos me deu!
Decerto algo ficou.
O sonho não acabou
apenas adormeceu.

Creio na ressurreição
na divina recompensa
a minha dor é imensa
mas resta a consolação
Deus a tudo vivifica
mamãe para sempre fica
no corpo que concebeu
em todo bem que plantou
O sonho não acabou
apenas adormeceu.