APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores)

A APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores), criada em 03.2010 em Santa Cruz -RN, existe para congregar amantes da cultura, apologistas e produtores da arte da palavra.


sexta-feira, 12 de outubro de 2012

O QUE ACONTECE NO PARAÍSO? - Francisca Joseni dos Santos



Adriano fala com propriedade em o Bairro do Paraíso Sofre Por Causa de Seus Moradores. Mas o que acontece no Paraiso é digno de estudo. Os estudiosos de Antropologia, Identidade regional e afins deveriam elencar este Bairro como objeto de estudo, pois esta desvalorização pelo que é "seu" vem de muito longe. Lembro-me que a mais ou menos uns 20 anos atrás foi aberta uma farmácia na Rua Pe. Antonio Rafael próximo à Praça e em poucos meses fechou porque as pessoas preferiam ir à "Rua Grande" comprar o que precisava do que adquirir os medicamentos lá, o mesmo acontecendo com uma Galeteria, portanto se observarmos bem alguns conceitos já evoluíram pois existe comércios diversos que conseguiram furar esta barreira auto-preconceituosa e estão se firmando no Bairro.
No entanto com relação à questão das escolhas políticas não vislumbro melhoria tão cedo, pois infelizmente nós que somos moradores deste grandioso pedaço de chão trocamos nossos votos por quinquilharias e não temos consciência da importância e do valor do voto, especialmente o voto para vereador.
Muito temos falado sobre o fato de LUCICLAUDIO não ter sido eleito e muito se culpa o povo do Paraiso, mas não considero esta "culpa" só nossa, pois, partindo do princípio de que vivemos em uma DEMOCRACIA e que somos "livres" para escolher nossos representantes então todos NÓS tínhamos liberdade de escolha para elegermos àquele que melhor nos representasse na Câmara Municipal. E, considerando O REAL PAPEL DO VEREADOR para um município sabemos que o vereador em questão desenvolveu este papel com louvor e não só com ações que beneficiaram o Bairro citado, mas com ações e proposições que atingiram beneficamente todos os munícipes da Zona Urbana e Rural. Sendo assim, perdemos todos nós um representante à altura de um mandato eletivo para defender nossos direitos constitucionalmente garantidos - lazer, segurança, educação, saúde, moradia, entre outros - entendo que todos nós somos "responsáveis" pelos que foram eleitos e pelos não eleitos neste pleito. Santa Cruz perdeu um representante à altura dos desafios impostos pelo cargo.
No entanto, defendo que a comunidade deveria se unir para ser mais forte, pois como é público e notório tínhamos candidatos a vereadores, além de Lucicláudio, que mereciam um voto de confiança, que de uma forma ou de outra já contribuem para o crescimento do Bairro e mesmo assim não podemos fazer juízo de valor sobre algo que não vivenciamos ainda, não podemos pré-julgar ações dos candidatos novatos que foram eleitos e nem tampouco daqueles que não lograram êxito. Mas acredito que o Paraiso seria bem representado se unidos fossemos e tivéssemos elegido candidatos do nosso bairro. Paulo Cesar Beijú, Mazinho, João, Tarcísio das Horteiras, entre outros, possivelmente teria um olhar mais acurado sobre as situações sociais desfavoráveis que afloram no nosso Bairro. Que fique a lição e que numa próxima oportunidade haja união para que sejamos fortes e que possamos eleger Lucicláudio, Paulo Cesar Beijú... e outros mais que se julguem capazes de lutar pela coletividade.