APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores)

A APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores), criada em 03.2010 em Santa Cruz -RN, existe para congregar amantes da cultura, apologistas e produtores da arte da palavra.


segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

COMUNICADO - Débora Raquiel


A Casa de Cultura Popular de Santa Cruz estará nas tardes de hoje (segunda-feira)
e amanhã(terça-feira) , prestando acessoria aos blocos que pretendem elaborar
seus projetos para concorrerem ao Edital de Carnaval do Estado.

Em Junho, foram quatro quadrilhas contempladas em nossa cidade. O prêmio
fora de com quatro mil reais. O prêmio agora é maior, e a elaboração do projeto é
bastante simplificada!

Para maiores informações procurem a Casa de Cultura.

Os projetos só serão aceitos até o dia 29 de janeiro.

Quem poderá concorrer aos recursos:

a) Escolas de Samba: Brincantes fantasiados que desfilam ao som de um samba
enredo, cantado pelo puxador e executado por uma bateria. O grupo possui
obrigatoriamente comissão de frente, mestre-sala e porta-bandeira, abre alas e
passistas.

b) Bloco: Brincantes divididos ou não em alas, conduzidos por um porta-
estandarte e puxado por uma banda de música ou charanga.

c) Bailes Populares e Eventos Pré e/ou Carnavalescos: Bailes conduzidos por
orquestra e/ou banda musical, que fazem alusão a folia de momo, podendo ser em
ambiente fechado ou na rua, realizados no período pré-carnavalesco, ou durante os
dias do reinado de momo.

d) Tribo de índios: agremiação cujos componentes se apresentam durante o
carnaval, perfilados, com um tema e enredos próprios, dançam inspirados em
danças de guerra e/ou festivas dos indígenas, e ainda apresentam personagens
obrigatórios como o cacique e o pajé.

e) Maracatus: agremiações que tem origem na cultura afro-brasileira, que tenha
pelo menos os seguintes elementos: uma percussão, que acompanha um cortejo
real.

f) Festas carnavalescas municipais: com programação de rua, sem cobrança de
nenhuma taxa para participação popular, inclusive a não exigência de camiseta e
que não tenha apoio da municipalidade.