APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores)

A APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores), criada em 03.2010 em Santa Cruz -RN, existe para congregar amantes da cultura, apologistas e produtores da arte da palavra.


domingo, 5 de março de 2017

RESENHA DO LIVRO APOESC EM PROSA E VERSO - Francisco Martins

COMENTANDO MINHAS LEITURAS 

APOESC EM PROSA E VERSO

Livro: APOESC em Prosa e verso
Autor (organizador): Gilberto Cardoso
Gênero: Prosa e Poesia (Antologia)
Editora: CJA - 2017
Páginas: 111
Leitura: 16 e 17 de fevereiro de 2017

Fazer cultura no Brasil é muito difícil, principalmente no Nordeste, região que sofre com as consequências da falta de recursos financeiros e também com a influência dos lixos culturais,   como por exemplo, na música, que em parte é usada como instrumento para denegrir a  imagem da mulher e com letras sem nenhum teor poético. Mas, diante deste quadro dantesco, há aquelas pessoas que tornam a vida melhor. Alguns  delas se associam e nos dão a alegria de ver seus frutos, como por exemplo a Associação de Poetas e Escritores de Santa Cruz - APOESC.  Li recentemente a antologia por ela publicada, tendo a frente o poeta Gilberto Cardoso, como organizador.  Um livro de capa linda na qual vemos folhas com várias nuances, representando a vida daqueles que nele estão. Pois a antologia traz a participação de poetas que já desfrutam da dimensão eterna (folhas secas), outros em plena atividade (folhas verdes e viçosas), além daquelas que estão no outono da vida. Nós somos todos como árvores :nascemos, crescemos, frutificamos e partimos. Aqui, cada poeta e escritor compartilha seu fruto, é por isso que o título do livro se chama APOESC em Prosa e Verso. Os convidados são por alguns momentos árvores que se dão a conhecer e  se conhecem: minha árvore me sabe, diz o escritor Bartolomeu Campos de Queiroz.  É um livro  audacioso, com olhar universal, abraçando não somente quem faz parte da APOESC, mas também alguns distantes. Os números assim testificam: 50 participantes, sendo 34 homens ( 68%) e 16 mulheres (32%). Tem gente de Santa Cruz, Tangará, Campo Redondo, Currais Novos, Japi, Caicó, São José de Campestre, Martins, São Paulo do Potengi e Natal,  além da presença de escritores e poetas de Cuité, Brejo da Cruz e Pombal, no vizinho estado da Paraíba, somando só a esse grupo poetas de Buriti Alegre (Goiás) e Manaus (Amazonas).  Uma nítida prova de quê com a internet não há mais fronteiras. Li todos os textos e alguns eu voltei a reler. Foi feliz Gilberto Cardoso quando assim se expressou: ...como há graciosidade nos passos iniciais duma criança, vemos beleza nos textos de alguns destes que com certa relutância resolveram expor sua alma ao grande público. Parabenizo a todos e quem ganha com esse trabalho publicado somos nós leitores.  Nele vamos desfrutar de 102 textos no estilo de prosa e 22  em poesia ( sendo 16 com o gênero poético do cordel). Uma das coisas que gostei do livro foi a publicação dos endereços eletrônicos do poetas e escritores, o que nos permite entrar em contato direto com eles.  APOESC faz literatura e cultura em 7 anos de existência. Fundada em março de 2010 ainda é uma criança, mas ouso dizer que é uma criança prodígio. Ela traz em sua história, a experiência da Associação de Poetas e Escritores, que de 1995 até 2008 publicou 4 livros. Concluo minha resenha com uma citação: " Devem-se buscar os amigos como os bons livros, pois a felicidade não está em que sejam muitos, nem muitos curiosos, antes em que sejam poucos, bons e bem conhecidos" (Mateo Alemán).


Foto do autor