APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores)

A APOESC (Associação de Poetas Escritores Simpatizantes e Colaboradores), criada em 03.2010 em Santa Cruz -RN, existe para congregar amantes da cultura, apologistas e produtores da arte da palavra.


sexta-feira, 3 de maio de 2013

O SILÊNCIO DOS ILUMINADOS - Franco Drummond


Atendendo a seu pedido, amigo Hélio Crisanto, estou encaminhando para publicação o texto abaixo.Abraços a todos dessa prestigiosa APOESC. 

As redes sociais são espaços democráticos nos quais podemos marcar nossa posição, no tocante a fatos e assuntos das mais diversas naturezas, sejam estes políticos, culturais, sociais e até familiares.

Contudo, há bem pouco tempo, nossas vozes, pessoais ou coletivas, somente ecoavam se tivéssemos acesso a algum veículo de comunicação, radiofônico ou televisivo; se publicássemos nosso pensamento na imprensa escrita, em jornais e revistas , por exemplo. Para contornar essa dificuldade, que o cidadão comum ou um segmento social enfrentava, estão aí as Redes Sociais. Estas vieram para ficar , sobretudo, para potencializar a capacidade de mobilização da sociedade em nossos dias. E o FACE está aberto, e preparado, ressalte- se, para resgatar do Silêncio as vozes daqueles que, por não terem tido a oportunidade de se fazer ouvir nos veículos convencionais de comunicação, ou siimplesmente, emudeceram por conveniência, por comodismo,enfim. O face, reitero, é uma poderosa ferramenta a serviço de todos.

Nesse contexto, destaco aqui o segmento artístico, a saber, cantores, atores, poetas, escritores, cujo engajamento em questões de reconhecida relevância político-social resulta salutar para o aperfeiçoamento da democracia nas esferas federal, estadual e municipal. É a esta última instância que dedicarei as palavras finais deste comentário.

Pois bem, aqui , em Santa Cruz, a despeito do prestígio que progressivamente vem galgando nossos artistas, em especial os que fazem da palavra escrita a matéria-prima de sua arte, ou seja, nossos ESCRITORES E POETAS ainda não manifestaram, de forma clara e contundente, sua posição ante a escalada de violência em nossa cidade, bem c omo sobre a lentidão das autoridades municipais e estaduais no enfrentamento desta angustiante situação para todos nós, apreciadores de sua inteligência e arte. Nossa expectativa, cremos, não há de ser frustrada.