domingo, 26 de junho de 2022

DROGA LEVA PRA CADEIA OU LEVA PRO CEMITÉRIO - Adriano Bezerra

 


DROGA LEVA PRA CADEIA 

OU LEVA PRO CEMITÉRIO 

Adriano Bezerra


Quem escolhe esse caminho

Achando que ele é jóia

Só pode ter paranóia

Que não pensa direitinho

Entra nesse desalinho

Sabendo que é tão sério

Vai parar num necrotério

Ou preso levando peia

Droga leva pra cadeia

Ou leva pro cemitério.


Um chega faz o convite

E o jovem sem pensar

Aceita e começa a usar

Depois cheio de palpite

Se sente o rei da elite

Dono de grande minério

Mas no fim o seu império

É a cana ou a areia

Droga leva pra cadeia

Ou leva pro cemitério.


Acaba tudo o que tem

Depois começa a roubar

Sem mesmo se preocupar

Se é parente ou outro alguém

Não importa aonde ou quem

Com ele não tem mistério

Adota qualquer critério

Pra dopar de novo a veia

Droga leva pra cadeia

Ou leva pro cemitério.


Sai na rua noite ou dia

Numa vontade incessante

Querendo mais todo instante

Pra suprir sua histeria

Mas toda essa heresia

Além de causar ditério

Leva ele ao deletério

Pois a substância é feia

Droga leva pra cadeia

Ou leva pro cemitério.


Os seus pais enlouquecendo

Sem ter sossego e nem paz

Nem forças pra lutar mais

Vêem seu filho morrendo

Para as drogas lhe perdendo

Mesmo tendo com cautério

Através do magistério

Lhe ensinado de mão cheia

Droga leva pra cadeia

Ou leva pro cemitério.


Adriano Bezerra



5 comentários:

  1. Massa!!
    Ruim mesmo é a situação de quem é vítima deste terrível caminho sem volta!!

    João Maria de Medeiros Dantas

    ResponderExcluir
  2. Psicólogo maroel bispo26 de junho de 2022 09:55

    Belo poema !!! Verdade pura !!!

    ResponderExcluir
  3. Enviei este poema
    Para uma escola do Rio
    De Janeiro, em Cabo Frio,
    Por ter drogas como tema.
    Este terrível problema
    Só provoca vitupério
    Aumentando o despautério
    Que à juventude arrodeia
    Droga leva pra cadeia
    Ou leva pro cemitério.

    Gilberto Cardoso dos Santos

    ResponderExcluir
  4. Gratidão por compartilhar os meus humildes versos com outras pessoas, meu ilustre amigo Gilberto. Espero que sirva de lição para alguém.

    ResponderExcluir

Comentários com termos vulgares e palavrões, ofensas, serão excluídos. Não se preocupem com erros de português. Patativa do Assaré disse: "É melhor escrever errado a coisa certa, do que escrever certo a coisa errada”